Sobre nós:

A Nova Resistência é uma rede internacional de ativistas, composta por nacional-revolucionários, eurasianistas, nacional-bolcheviques, nacionalistas de esquerda, anticapitalistas de direita e adeptos da Quarta Teoria Política, que defende uma resistência ampla e em vários níveis às políticas econômicas neoliberais, ao imperialismo atlantista e à influência sionista nas mídias e nos governos. Somos um movimento jovem, um núcleo de ativismo e de ação revolucionária. Em específico, somos a divisão brasileira da Nova Resistência, composta por nacional-revolucionários, distributistas, trabalhistas, patriotas, socialistas, desenvolvimentistas e afins.

Já possuindo unidades em vários países, assim se apresenta ao público a unidade brasileira da Nova Resistência, fundada no início de 2015. Olhamos para a Europa e para a América Pré-Colombiana como fontes de inspiração cultural e espiritual, mas respeitamos profundamente outras pátrias, culturas, tradições e civilizações.

Princípios:

As formas políticas do passado, da direita à esquerda, do nacionalismo chauvinista ao nacionalismo burguês, do neoliberalismo à socialdemocracia, do comunismo ao pós-modernismo, já se mostraram inaptas para levar a cabo um processo verdadeiramente revolucionário, popular e patriótico em nossa Terra, condizente com as nossas raízes históricas mais profundas e com os valores mais organicamente arraigados no seio dos Povos que habitam o Brasil.

A Nova Resistência é uma organização revolucionária de vanguarda que visa superar as velhas e mofadas ideologias políticas do passado e forjar um projeto politicamente sólido e consistente com aquilo que o Brasil é em sua essência: um Estado de mil Nações.

Nosso objetivo é erguer um Novo Mundo e uma Nova Pátria, através de uma Nova Ordem, construída por um Novo Homem.

Tudo o que importa é se uma proposta ou ideia dá certo, tem aplicabilidade concreta e se é superior às outras em algum grau. Precedentes só importam para confirmar sucesso ou falência. Supostos opostos são conciliados em uma síntese superior que se apoia na cosmovisão e nos paradigmas epistemológicos do projeto de uma Quarta Teoria Política.

Para simplificar o modo como a Nova Resistência interpreta o mundo, bem como para clarear aquilo que ela defende e desvelar o caráter de sua luta, resolvemos apresentar e definir alguns princípios gerais que nos regem:

Continuar lendo

Posts recentes:

Em defesa da alta cultura:

A cultura produzida no Brasil nas últimas décadas é reflexo imediato de nossa condição socioeconômica enquanto país: a condição de uma semi-colônia. Importamos bens que não podemos produzir da mesma maneira que importamos todo o lixo cultural produzido e fomentado nos grandes centros financeiros do Ocidente. Nossas rádios estão abarrotadas de músicas “brasileiras” que não …

Família “nuclear” moderna não é família tradicional:

A direita conservadora e liberal-conservadora costuma falar muito em “família tradicional”. Supostamente, eles seriam os defensores dessa tal “família tradicional” e outras forças estariam tentando destruir essa tal “família tradicional”. Mas o que é essa “família tradicional”? Aparentemente, quando a direita lida com este conceito ela está se referindo ao arranjo por casamento entre um …

Onde nos encontrar:

Em todos os estados da região sudeste, em vários estados do nordeste, no norte e no sul. Na maioria dos estados onde não estamos, há vários camaradas interessados, faltando apenas formalizar a fundação. (Onde encontrar a Nova Resistência [atualizado]). Mais cedo ou mais tarde, haverão células em todo o Brasil.

Para todos os fins, se você deseja saber se há uma célula funcionando em seu estado, contate-nos.